13 de Janeiro de 2011 – Brasil: tragédia imerecida

Quando as coisas ultrapassam uma dimensão imaginável, o melhor mesmo é a ausência de palavras e de palpites, porque pouco se sabe sobre o que se diz. Nenhuma tragédia é merecida, bem entendido. Mas muito menos no Brasil. Um país de extremos, onde se «tocam» os muito ricos e os muito pobres. Onde convivem a favela e o arrojo urbanístico. E onde o samba e a bossa-nova unem os dois lados de um mesmo país. Dilma ainda agora «agarrou» o país, plenos de esperança, o país e ela mesma, e acaba por ter como primeiro desafio isto. E isto são centenas de pessoas levadas por uma enxurrada inexplicável. Eles já não tinham água, nem luz, nem saneamento, nem gás. Agora, não têm a vida.

1 thought on “13 de Janeiro de 2011 – Brasil: tragédia imerecida

Responder a Armando Pinho Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *