15 de Julho de 2010 – Sábias palavras: «Sócrates é ruído»

Li não sei aonde, mas nunca se conciliaram tão eficaz e perfeitamente as representações mentais do que vemos, do que sentimos e a conjugação de palavras. Cada vez mais, diga verdade ou mentira, anuncie boas ou más medidas, resolva-nos ou não a crise, tudo o que José Sócrates produz é um imenso ruído, no meio do qual, de vez em quando, ouvimos qualquer coisa, maioritariamente fruto da insistência. Sócrates anuncia auto-estradas da informação, quando, ao mesmo tempo, taxa atabalhoadamente as estradas que o seu partido construiu com o objectivo de serem gratuitas. Onera, assim, as empresas que têm de usar essas mesmas estradas (a título de exemplo, a A29, que liga duas cidades portuárias, e a A25, que nos leva à fronteira), e apregoa a competitividade. Proclama-se o investimento no conhecimento, e depois temos Novas Oportunidades e gente sem capacidade financeira para sustentar os estudos universitários. Proclama-se o simplex, e continuamos a ver os serviços públicos a gastarem resmas de papel para imprimirem todos os passos que dão, porque não têm a certeza de que estejam a dá-los bem. Proclama-se a queda do desemprego, mas continuamos a ver os «RSI» e os recibos verdes, esses que, ao mesmo tempo que são precários, vêem o Estado considerar como lucro 70% do (pouco) que ganham. Vemos, depois, Sócrates com a veia jugular saliente, a pugnar sozinho pelo futuro de um país, qual Oliveira Salazar, «orgulhosamente só». É ou não é ruído?

4 thoughts on “15 de Julho de 2010 – Sábias palavras: «Sócrates é ruído»

  1. Pingback: O Estado Da Nação Visto Pela Blogosfera (Ou Boa Parte Dela…) – 2 « A Educação do meu Umbigo

  2. O Sócrates é ruidoso e ruinoso. Não admira, a madrinha educou-o assim e depois fugiu para a Europa.
    Mas o Assis é uma autêntica matraca. Quando começa a falar mudo de canal.

  3. Frank(lin da granja)…O Mundial…jà era
    Não ponhas ritmos Sul Africanos em cena…ou
    Arrisco a afirmar que a Minha VUVUZELLLLA
    appppesar de pequenita é mais alegre e divertida ( também mais rugosa, quiçá, pra não fugir da mão).
    IVO: Quanto a tretas de velhhhhhhas oportuuuunidades e afins…
    o PAÍS já sabe…
    Cambada de SEM-VERGONHA!!!! !!!! !!!!!
    Que saia da tumba, o verdadeiro,o Grego Sócrates!
    VNChiquita barsol.jb abraço

Responder a joaquim toscano Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *