23 de Maio de 2010 – «The Special One»

José Mourinho é, incontornavelmente, um fenómeno. As suas equipas jogam com uma precisão de relojoeiro, ganham, alcançam títulos aguardados há décadas (ou mesmo impensáveis). E, no auge, com a missão cumprida, Mourinho já pensa mais num desafio mais aliciante do que no festejo. A sua postura é firme, certeira, acutilante. E ele ganha, e obtém sucesso e reconhecimento mundiais. Ele é «the special one», ou «lo speciale» ou, agora, «el especial». Ele foi, provavelmente, a melhor coisa (talvez a única coisa boa) que Vale e Azevedo fez pelo Benfica, e a pior que Manuel Vilarinho podia ter feito. O FC Porto projectou-o para uma dimensão europeia e mundial. Mourinho prova, sucessivamente, que muitos e muito bons jogadores podem não fazer uma boa equipa. Mas as suas equipas são sempre as melhores, mesmo sem «estrelas». Honras ao «special one».

3 thoughts on “23 de Maio de 2010 – «The Special One»

  1. Uma boa equipa, efectivamente, não se controi apenas com bons jogadores. Para haver uma equipa é preciso ambição, determinação e garra para vencer tudo e todos. Mourinho, nesse aspecto, consegue ser um verdadeiro lider, pois transformou um desaproveitado MILITO, numa máquina de fazer golos.
    Em comparação veja-se a nossa selecção nacional (3º lugar no ranking da FIFA) que ontem jogou com a selecção de Cabo Verde (117º lugar no ranking da FIFA) e empatou.
    O mais espantoso é o nosso seleccionador ter a lata de dizer que foi um bom jogo treino.
    Estamos conversados quanto ao campeonato mundial.

  2. Prof Zeferino , gostei muito de ler seu comentário, sobre Futebol, espero que durante o Mundial o prof vá Postando. Com respeito ao Mourinho ele é dos nossos , pois sabe usar a Esperteza e Inteligência ,meio a meio, por isso consegue faser um belo trabalho.
    Prof espero mais comentários sobre o Mundial , pois aqui fico torcendo por Portugal e pelo Brasil, quem sabe uma final entre os dois . Armando Pinho

Responder a zeferino brandão Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *