17 de Junho de 2009 – Arouca foi capital em Lisboa

ARHoje pode dizer-se com propriedade que Arouca desceu em peso a Lisboa. Por iniciativa do meu queridíssimo amigo André Almeida, a Banda Musical de Arouca e a Confraria da Raça Arouquesa levaram a Lisboa um pouco (mas muito) do que de melhor Arouca tem: a cultura e a gastronomia. Para a Banda foi uma experiência interessantíssima, apesar de enfrentarmos uma viagem longa, da demora que é orientar a logística sob algumas medidas de segurança, apesar de tudo. De referir a presença de Jaime Gama durante todo o concerto, contrariando o que todos esperávamos (tinha compromissos com representantes da Tunísia), bem como de vários deputados de vários quadrantes políticos, que, por certo, ficaram com uma pequena noção de como Arouca é grande.

2 thoughts on “17 de Junho de 2009 – Arouca foi capital em Lisboa

  1. Foi um Concerto muito bonito.
    Arouca pode e deve estar satisfeita, pois foi muito bem representada.
    Um beijo para o André Almeida pela iniciativa e pelo acolhimento especial que deu a todos quantos se deslocaram a Lisboa.
    Um agradecimento muito especial à Banda Musical de Arouca pelo convite que me foi feito, sem o qual eu não teria vivido esta magnífica experiência.
    A viagem foi muito longa e cansativa e trabalhou-se muito até que tudo ficasse pronto, mas valeu a pena.
    Arouca é mesmo GRANDE!!!
    Um beijo especial também para ti, Ivo, porque estás sempre lá, no sítio certo e à hora certa. Sempre incansável na ajuda aos companheiros…
    Chama-se a isto, «dedicar-se a uma causa».
    Obrigada por seres assim. 🙂 Solidário, amigo, companheiro…
    Fica bem.

  2. Arouca foi rainha em Lisboa, na casa da Democracia.

    Adorei ouvir e ver aqueles que , certamente , são filhos de alguns que foram amigos do meu Pai , quando há 50 anos foi Tesoureiro da Câmara Municipal de Arouca .

    Foi lá que furei as orelhas na ourivesaria do Sr Esteves .

    Foi lá que fui pela 1ª vez à Escola . Foi lá que vi neve pela 1ª vez .

    Lá tenho voltado e lá voltarei com o meu pai .

    Parabéns arouquenses.

    M. Ofélia Moleiro

Responder a m&m Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *